Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2008

A CRIANÇA EM MIM...

Há um grito por esperança,
Um grito por socorro,
Em mim há uma criança
Que não queria nascer de novo.

Um gemido que não pára,
Minha alma está ferida,
Tenho uma cicatriz que não sara,
É uma rua sem saída.

Vejo a vida da janela
Com tanta morte e desilusão,
Ela já não é mais tão bela,
Já não há paz para o coração.

Eu queria mais amor
Para toda essa gente,
Um mundo sem mágoas, sem dor
Que tudo fosse diferente.

Há tanta violência,
Tanto sofrimento,
Tanta indecência,
Há tantos sonhos jogados ao vento.

O desprezo é realidade,
É a verdade, cruel e vil,
Vejo crescer a impunidade,
Deus tenha dó deste Brasil.

Há uma criança em mim,
Que quer acreditar,
Que o choro vai ter fim,
E que o mundo vai mudar,
Não dá mais para viver assim,
Ainda quero poder sonhar...

Autor: Oziel Soares de Albuquerque
www.ozielpoeta.blogspot.com/

P.S.: Esta poesia me fez ganhar em 2º lugar em um concurso de poesias a nível nacional em 2008, perdendo apenas para o Distrito Federal

"O texto é um monólogo que expressa …