quarta-feira, 15 de outubro de 2008

AOS MESTRES...

Aos arquitetos do futuro,
A gratidão de um menino,
Àqueles que levaram a luz a um campo escuro,
A chave do meu destino.

Pelas raivas, tristezas, desesperanças,
O meu sincero e simples perdão,
Pelas vezes que agimos como crianças,
Por todas as vezes que não lhes demos atenção.

Felicidades por esse dia,
Que pra nós se faz especial,
Lembramos dos apuros, medos, alegrias,
Que pra nós nem já é tão mal.

Vocês são aqueles,
Que nos ajudam a construir nossas pontes,
Que nos ligam ao mundo, aos saberes,
Que nos ampliam nossos horizontes.

Aos mestres, obrigado!
Só temos isso e nada mais.
Pelos momentos do nosso lado,
Que não voltarão jamais...

Autor:Oziel Soares de Albuquerque
www.ozielpoeta.blogspot.com/