quarta-feira, 18 de agosto de 2010

VOU GUARDAR MEU CORAÇÃO...

(Para minha quase aluna Renata, as inicias formam seu nome completo)

Rua vazia, estrada solitária,
E ainda não é dia, que vida precária,
Não sei agora o que fazer,
Aqui dentro? Vestígios de você,
Tantas vezes me feriu,
Assim de repente, sem explicação... sumiu.

Minha vida está em pedaços,
Então, é só tentar refazer esse bagaço,
Lutar, pra reescrever uma história,
Lembrar, de tudo, sem você agora,
O sol já brilha, a noite foi embora

Sou forte o suficiente,
Imensa em mágoas, mas vou seguir em frente,
Luz brilhou na minha escuridão,
Vou me proteger, guardar meu coração,
Aqui dentro, entrar de novo, não será fácil não!

Autor: Oziel Soares de Albuquerque
www.ozielpoeta.blogspot.com/

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

MESMO QUE...

(Para minha amiga Vanila Santos)

Se eu acordar,
E já não for mais dia?
Se o sol não brilhar,
E não houver mais alegria?
E se eu chorar,
Por a vida ser uma eterna noite fria?

Se o amanhã não existir?
Se aqui dentro não houver nada?
Se aquilo que amo fugir?
Se tudo for um conto de fadas?
Se você não estiver mais aqui?
E se você foi enganada?

Mas mesmo que o amanhã não exista,
Mesmo que não haja felicidades,
Mesmo que a dor passada se repita,
Mesmo que só fique a saudade,
Mesmo que tudo lhe deixe aflita,
Na vida não existem muitas verdades.

Não existem muitas certezas,
Nossas certezas? Elas se vão,
E mesmo que não haja belezas,
Ouça aquele silêncio que grita no seu coração,
No mundo há muitas tristezas,
Para erros há sempre perdão.

Dizem que pra tudo tem jeito,
Então pra vida não é diferente,
Mesmo com tantos defeitos,
Existem motivos pra amar toda essa gente,
Pois bate um coração em nosso peito,
Levante a cabeça siga em frente.

Há uma coisa que sempre digo,
Cante, pule, ame, grite e chore,
Que Deus seja seu abrigo,
Quando sozinha peça, ore,
Sou e serei sempre seu amigo,
Se não te ouvirem? Implore...

Autor: Oziel Soares de Albuquerque
www.ozielpoeta.blogspot.com/

QUANDO NOSSOS SONHOS NÃO SE REALIZAM...


Às vezes, me pego,
Sozinho, sonhando,
Pelos olhos de um cego,
Vejo meus desejos brotando.

Há quem sonhe com tudo,
Há quem sonhe com nada,
Alguns querem conquistar o mundo,
Outros apenas sua amada.

Muitos sonham com riqueza,
Outros só com a felicidade,
Uns só querem a beleza,
E alguns só querem que seus sonhos se tornem realidade.

Todos nós sonhamos,
E queremos ver acontecer,
Todos nós acreditamos,
Que sonhar torna melhor nosso viver.

Às vezes, nossos sonhos,
Não se realizam,
Deixando-nos infelizes, tristonhos,
As dores vêm, e elas nem avisam...

Autor: Oziel Soares de Albuquerque
www.ozielpoeta.blogspot.com/

NÃO TENHO MAIS VOCÊ AQUI...


Não tenho mais você aqui,
Para poder chorar no seu ombro,
Para ter motivos para sorrir,
Para sonhar e pronto!

Não tenho mais você,
Fostes para tão longe de mim,
O que faço, se a cada dia de meu viver,
Essa minha saudade não tem fim.

Não tenho ninguém pra ficar comigo,
E ouvir minha dor, meu pranto,
Não, não! Talvez não tenho amigo,
Tenho! Mas estou sofrendo tanto.

Meus poucos amigos estão distantes,
Assim como você está,
Queria viver de novo, só por uns instantes,
Recostar-me no teu peito e poder chorar.

Autor: Oziel Soares de Albuquerque
www.ozielpoeta.blogspot.com/