Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2012

ME DEVORA...

Não sei se consigo,
Viver sem olhar p'ra trás,
Será o passado meu inimigo?
Que me atormenta por não vivê-lo mais?

Esquecer não adianta,
Apagar não tem jeito,
Se as palavras estão na garganta,
E o "negócio" não sai do peito.

Olhar p'ra frente somente,
Fingir sem enganar,
Aqui não se mente,
P'ra mim mesmo? Não dá...

Sabe, às vezes pareço louco,
Com a mesma agonia,
Sonhar, viver é pouco,
Foi noite, e ainda é dia.

Por que me apavora,
O sol já nasceu,
 A dor não mais me demora,
Ainda o sou, sou eu...

Autor: Oziel Soares de Albuquerque
www.ozielpoeta.blogspot.com/

(P.S.: Escrita em 21-11-2012: Essa precisa de data! Falta 1 mês e 1 dia para o meu casamento!)