sexta-feira, 30 de junho de 2017

DEUS EXISTE NO SILÊNCIO...

Deus existe no silêncio.
Não está nas canções bonitas.
Nos passos, campanhas, maneiras, etapas rumo ao nada.
Não está no avivamento, nas celebrações formais ou nas novas formas do que chamam adoração.
Deus não está nos púlpitos, nos palcos, na sacristia, no altar.
Deus, muitas vezes, não está em nós.
Não está em nossas pregações, sermões, bate-papos, palavra forte e profecias.
Sim, Deus não está nas nossas profecias.
Elas são nossas profecias apenas.
Deus não está em nada que é nosso.
Nossas igrejas, nossa teologia, nossos templos, nossa doutrina, nossos cultos, nossos encontros, nossas conferências.
Deus habita naquilo que não é nosso.
Naquilo que não entendemos. Não sentimos. Não criamos. Não controlamos. Não transformamos. Não ouvimos.
Deus existe no silêncio...

Autor: Oziel Soares de Albuquerque
www.ozielpoeta.blogspot.com/

sábado, 17 de junho de 2017

MINHAS VIAGENS...

Para onde mais longe fui,
Nunca precisei sair do lugar,
Onde nada me exclui,
De onde ninguém pode me magoar.

Minhas maiores viagens,
As mais perfeitas que já fiz,
Talvez foram só miragens,
Mas lá descobri o que é ser feliz.

Não terei tempo,
De ir a tantos "cantos",
Não viverei tantos momentos,
Embora eu deseje tanto.

Só sei que vivo o aqui,
Alguém já disse que o que importa é agora,
Não importa onde podemos ir,
Ou onde estaremos daqui a poucas horas.

Minhas viagens mais perfeitas,
Foram a lugares que não existem,
Lá maldades não são feitas,
Não há dor, nem pessoas tristes.

Sempre serei um viajante,
A lugares diferentes,
A um lugar tão, tão distante,
Que não cabe no mundo da gente...

Autor: Oziel Soares de Albuquerque
www.ozielpoeta.blogspot.com/

segunda-feira, 5 de junho de 2017

UM DIA SEREMOS IGUAIS A VOCÊ...

(Para Karoliny Andrade de Oliveira, por seu aniversário dia 03 de junho de 2017)
Um dia, todos entenderemos o propósito da vida. Nesse dia, faremos dela algo muito maior.
Um dia teremos um mesmo coração. Nele baterá forte o desejo de fazer algo mais.
Um dia dormiremos em nossas camas, lembrando daqueles que não têm onde recostar suas cabeças. Festejaremos após ter levado pão àqueles que passavam fome.
Um dia não desistiremos dos nossos sonhos. Entenderemos que a concretização deles mudará a vida de muita gente.
Um dia choraremos com nossa impotência ante as enfermidades do corpo.
Um dia vamos desejar que o amanhã seja melhor. Sonharemos os sonhos dos outros, por que no fundo nosso sonho é realizar sonhos.
Um dia seremos fada, anjo, gênio da lâmpada e quase um deus para quem precisar.
Um dia teremos esse coração.
Nesse dia, seremos iguais a você...

Autor: Oziel Soares de Albuquerque
www.ozielpoeta.blogspot.com/

quinta-feira, 1 de junho de 2017

SEMPRE...


Sempre fazendo a coisa errada,
Sempre fazendo o que não devia,
Sempre quebrando a cara,
E outra vez a procura de alegria.

Outra vez mentindo,
Outra vez sorrindo sem querer,
Outra vez quase desistindo,
E quase sempre sem me entender.

Quase sempre fazendo o que os outros querem,
Quase sempre sendo a mesma marionete,
Quase sempre amando quem tanto me fere,
Sempre achando que em mim não há nada que preste.

Autor: Oziel Soares de Albuquerque
www.ozielpoeta.blogspot.com/